abril 24, 2014

Vamos Lembrar: A Importância do 25 Abril 1974

A história do 25 de Abril de 1974 explicada no site: 

Naturalmente que já ouviste falar no 25 de Abril de 1974, mas provavelmente não conheces as coisas como os teus pais ou os teus avós que viveram nesta época. 

Sabias que o golpe de estado do 25 de Abril de 1974 ficou conhecido para sempre como a "Revolução dos Cravos"?


Diz-se que foi uma revolução porque a política do nosso País se alterou completamente.

Mas como não houve a violência habitual das revoluções (manchada de sangue inocente), o povo ofereceu flores (cravos) aos militares que os puseram nos canos das armas. 

Em vez de balas, que matam, havia flores por todo o lado, significando o renascer da vida e a mudança! 

O povo português fez este golpe de estado porque não estava contente com o governo de Marcelo Caetano, que seguiu a política de Salazar (o Estado Novo), que era uma ditadura. 

Esta forma de governo sem liberdade durou cerca de 48 anos! 

Enquanto os outros países da Europa avançavam e progrediam em democracia, o regime português mantinha o nosso país atrasado e fechado a novas ideias.

Sabias que em Portugal a escola só era obrigatória até à 4ª classe? Era complicado continuar a estudar depois disso. E sabias que os professores podiam dar castigos mais severos aos seus alunos? 
Todos os homens eram obrigados a ir à tropa (na altura estava a acontecer a Guerra Colonial) e a censura, conhecida como "lápis azul", é que escolhia o que as pessoas liam, viam e ouviam nos jornais, na rádio e na televisão. 

Antes do 25 de Abril, todos se mostravam descontentes, mas não podiam dizê-lo abertamente e as manifestações dos estudantes deram muitas preocupações ao governo. 

Os estudantes queriam que todos pudessem aceder igualmente ao ensino, liberdade de expressão e o fim da Guerra Colonial, que consideravam inútil.

Sabias que os países estrangeiros, que no início apoiavam Salazar e a sua política, começaram a fazer pressão contra Portugal. Por isso o governante dizia que o nosso País estava "orgulhosamente só".
Quando Salazar morreu foi substituído por Marcelo Caetano, que não mudou nada na política. 

A solução acabou por vir do lado de quem fazia a guerra: os militares. Cansados desse conflito e da falta de liberdade criaram o Movimento das Forças Armadas (MFA), conhecido como o "Movimento dos Capitães". 
Depois de um golpe falhado a 16 de Março de 1974, o MFA - Movimento das Forças Armadas decidiu avançar. 
O major Otelo Saraiva de Carvalho fez o plano militar e, na madrugada de 25 de Abril, a operação "Fim-regime" tomou conta dos pontos mais importantes da cidade de Lisboa, em especial do aeroporto, da rádio e da tv. 

As forças do MFA, lideradas pelo capitão Salgueiro Maia, cercaram e tomaram o quartel do Carmo, onde se refugiara Marcelo Caetano. Rapidamente, o golpe de estado militar foi bem recebido pela população portuguesa, que veio para as ruas sem medo.


Sabias que para os militares saberem quando avançar foram lançadas duas "senhas" na rádio?
A primeira foi a música "E Depois do Adeus", de Paulo de Carvalho, a segunda foi "Grândola, Vila Morena", de Zeca Afonso, que ficou ligada para sempre ao 25 de Abril.


Depois de afastados todos os responsáveis pela ditadura em Portugal, o MFA libertou os presos políticos e acabou com a censura sobre a Imprensa. E assim começou um novo período da nossa História, onde temos liberdade, as crianças todas podem ir à escola e o País juntou-se ao resto da Europa.
FONTE: http://www.junior.te.pt/servlets/Bairro?P=Portugal&ID=101





As Comemorações do 25 de Abril em Albufeira: 




Livro “Histórias da Ajudaris” 2014

No âmbito das comemorações do Dia Mundial do Livro, dia 23 de abril, a Biblioteca Municipal Lídia Jorge de Albufeira  informa que irão decorrer os seguintes eventos:

· Apresentação do Livro “Histórias da Ajudaris” – Instituição Particular de Solidariedade Social -, que irá decorrer no dia 24 de Abril, pelas 14H00;


· Exposição Itinerante de Ilustrações do Livro “Histórias da Ajudaris”, de 22 a 30 de Abril de 2014, patente na Sala Polivalente.



Organização do Agrupamento de Escolas de Ferreiras – Biblioteca Escolar E.B. 2,3 Professora Diamantina Negrão, com o apoio da Câmara Municipal de Albufeira.

Hora do Conto - Visita E.B. 1º Ciclo de Paderne

No dia 22 de Abril 2014, a turma de 4.º ano da professora Adélia Simões da Escola Básica de 1.º Ciclo de Paderne visitou a Biblioteca Municipal de Albufeira.

O grupo começou por visitar os diversos setores da biblioteca e por último deslocou-se ao setor infantil e à sala da hora do conto onde foi apresentada a história:

  «Guisado de Dragão» de Steve Smallman
A aventura de 5 vikings que queriam comer um guisado de dragão, mas será que conseguem? 

E uma vez que o grupo com idades entre os 9 e 10 anos, aprecia bastante a leitura, contos e histórias, foi sugerida uma outra história «O descobridor de histórias» que foi lida pelos alunos da professora Adélia; uma história que ajuda a descobrir o verdadeiro valor de tudo aquilo que nos rodeia.


O grupo ainda apresentou uns versos alusivos às comemorações do 25 de Abril, um trabalho realizado na escola para oferecer à Biblioteca Municipal de Albufeira.


Após o momento da leitura, o grupo foi convidado a realizar Marcadores de Livros, para levar de recordação da visita.
Realizando assim algo individual e único que possa lembrar a devida importância dos Livros, de uma forma divertida, ao assinalar determinados assuntos ou momentos durante a leitura...



Terminados os Marcadores de Livros, chegou o momento de consultar os muitos Livros disponíveis na Biblioteca Municipal de Albufeira...





Obrigado pela vossa visita Amigos e Amigas do E. B. 1.º Ciclo de Paderne...

Hora do Conto - Visita do Jardim Infância Paderne

No dia 22 de Abril 2014, a turma da Educadora Paula Coelho do Jardim de Infância de Paderne, com 26 crianças, deslocou-se à Biblioteca Municipal de Albufeira para conhecer este espaço público e assistir à Hora do Conto.

As crianças começaram por conhecer a sala infantil e de seguida deslocaram-se à sala da hora do conto, onde foi apresentada a história:


Após ouvida a história, as crianças puderam explorar e brincar um pouco no nosso cantinho das histórias.

Depois desse momento, as crianças foram convidadas a realizar o seu Marcador de Livros em formato de coelho, para levar de recordação desta visita. 
Os marcadores já tinham sido recortados com o formato de coelho e as crianças tiveram que desenhar os focinhos e colorir os "coelhinhos".



De seguida, o grupo consultou Livros e experimentou os Marcadores de Livros "acabadinhos" de fazer...



Obrigado pela vossa visita Amigos e Amigas do Jardim de Infância de Paderne...

abril 23, 2014

Vamos Lembrar: Dia Mundial do Livro

No dia 23 de Abril celebra-se o Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor.

A data tem como objetivo reconhecer a importância e utilidade dos livros, assim como incentivar hábitos de leitura na população.

Os livros são um importante meio de transmissão de cultura e informação, e elemento fundamental no processo educativo.

No Dia Mundial do Livro decorrem várias ações de promoção dos livros e da leitura, organizados por livrarias, associações culturais, escolas, universidades e outras entidades.

A UNESCO instituiu em 1995 o Dia Mundial do Livro. A data foi escolhida por ser um dia importante para a literatura mundial - foi a 23 de Abril de 1616 que faleceu Miguel de Cervantes e a 23 de Abril de 1899 nasceu Vladimir Nabokov.

A data serve ainda para chamar a atenção para a importância do livro como bem cultural, essencial para o desenvolvimento da literacia e desenvolvimento económico.

O dia 23 de Abril é também recordado como o dia em que nasceu e morreu o escritor inglês William Shakespeare.
Fonte: http://www.calendarr.com/portugal/dia-mundial-do-livro/

 
Esta imagem da DGLAB alusiva ao Dia mundial do Livro é da autoria da Lupa Design (Danuta Wojciechowska e Joana Paz).

Procura e informa-te e liga-te ao mundo maravilhoso dos Livros em:


Noticias pelo Mundo sobre as comemorações do Dia Mundial do Livro 2014:

Mafalda, a contestatária personagem de banda desenhada criada pelo argentino Quino há 50 anos, será o estandarte das celebrações do Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor da UNESCO, a 23 de abril, indicou esta quarta-feira a organização. 

A agência especializada da ONU para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) organizará, para assinalar a data, uma exposição sobre "a célebre menina pacifista e contestatária" na sua sede, em Paris, lê-se no comunicado. 

Também no mesmo dia se iniciará o mandato da cidade nigeriana de Port Harcourt como Capital Mundial do Livro por um ano, título que lhe foi atribuído pela UNESCO, a União Internacional de Editores e pela Federação Internacional de Associações de Bibliotecários e Bibliotecas.
Fonte: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/mafalda-sera-estandarte-de-celebracoes-do-dia-mundial-do-livro




                           E o que vai acontecer em Albufeira?



Hora do Conto - Visita do J.I. Vale Parra - Grupo Prolongamento de Férias

No dia 21 de Abril 2014, o grupo de prolongamento de férias do Jardim de Infância de Vale Parra veio visitar a Biblioteca Municipal de Albufeira e assistir à Hora do Conto.

A história apresentada no cantinho das histórias foi:


Após ouvida a história e um pouco de brincadeira no cantinho das histórias, as crianças deram "vida" a um Marcador de Livros em formato de coelho para levar de recordação da visita. 




E por fim, consultaram os muitos Livros disponíveis na Biblioteca.






Obrigado pela visita Amigos e Amigas do Jardim de Infância de Vale Parra...

Foi assim o Atelier Trab Manuais «Brincadeiras de Páscoa» 2014

Na continuação do Programa de Férias de Páscoa 2014;
Nos dias 15, 16 e 17 de Abril realizou-se a última atividade, o Atelier de Trabalhos Manuais «Brincadeiras de Páscoa» na Biblioteca Municipal de Albufeira, entre as 10 h. e as 13h. em que participaram 16 crianças com idades entre os 6 e os 10 anos.

O primeiro dia começou com o «À Tua Escolha do Menu de Histórias» e como habitualmente, as crianças elegeram uma história para ser lida. 
E a escolha foi: 
«Guisado de Dragão» de Steve Smallman


A história foi lida por Matilde Baião, Vicente Cavaco e Mafalda Oliveira.

De seguida, começou-se a realizar o «Quadro de Primavera», um trabalho com reciclagem de rolos de papel higiénico.
Primeiro fez-se a flor com os rolos de papel higiénico e depois começou-se a colorir a flor.


Depois, os trabalhos ficaram a secar para serem terminados mais tarde.

Neste primeiro dia as crianças também fizeram um «Coelho Barrigudo - Porta Bombom», feito com cartolinas, cartão e musgami e muito "jeitinho"...




No segundo dia, 16 de Abril, as crianças continuaram a trabalhar no trabalho de reciclagem, o «Quadro de Primavera»; fazendo borboletas e os últimos pormenores para embelezar o quadro.

Aqui ficam as fotos dos trabalhos finais:

 

 

O último dia de atividade foi preenchido com a realização de uma «Caixa Coelho» para guardar amêndoas, por exemplo. 
Feita com cartolinas e claro, muita "arte" da parte da pequenada.

 



Obrigado a Todos os Amigos e Amigas que mais uma vez participaram no 
Programa de Atividades de Páscoa 2014 da Biblioteca Municipal de Albufeira 
e que alegram por uns dias o setor infantil com as suas presenças...

abril 17, 2014

Vamos Lembrar: Dia Int. dos Monumentos

No dia 18 de Abril celebra-se o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, que foi instituído em 1982 pelo ICOMOS (Conselho Internacional dos Monumentos e dos Sítios) e aprovado pela UNESCO no ano seguinte. 

A partir de então, esta data comemorativa tem vindo a oferecer a oportunidade de aumentar a consciência pública relativamente à diversidade do património e aos esforços necessários para a sua proteção, conservação, chamando a atenção para a sua vulnerabilidade.

Este ano o Dia internacional dos Monumentos e Sítios é dedicado ao tema Lugares de Memória.

De 12 a 20 de Abril, por todo o Território Continental e Regiões Autónomas terão lugar 640 atividades distribuídas por 170 concelhos e promovidas por 345 entidades públicas e privadas.
O acesso à maioria das atividades é gratuito.
As atividades promovidas nos Monumentos, Museus e Palácios da DGPC têm entrada livre.


Mais Informações em: igespar


Em Albufeira



Mais informações em: 
http://albufeira.pt/evento/dia_internacional_dos_monumentos_e_sitios