setembro 16, 2014

Vamos Lembrar: Dia Mundial para a Preservação da Camada de Ozono

O Dia Mundial para a Preservação da Camada de Ozono, comemorado a 16 de Setembro de cada ano, é uma oportunidade para uma reflexão conjunta sobre a necessidade de realização de ações e adoção de comportamentos que contribuam para a proteção da camada de ozono.


Este dia foi estabelecido em 1987, pela Organização das Nações Unidas, em que 46 países assinaram um documento que ficou conhecido por “Protocolo de Montreal“.

O Protocolo de Montreal foi um tratado feito internacionalmente, com o objetivo de fazer os países se comprometerem a acabar e substituir o uso do CFCs e de outras substâncias que contribuem para a destruição da camada de ozono.


O clorofluorcarboneto, também conhecido como CFC ou cloro-fluor-carbono, é um composto sintético, gasoso e tóxico que pode ser utilizado como solvente, (gás usado em sprays), expansor de plásticos, e como refrigerante em frigoríficos e aparelhos de ar condicionado.

O CFC é tido como o principal causador do buraco na camada de ozono e desde a descoberta de sua toxicidade na atmosfera (onde pode permanecer por até 75 anos antes de ser destruído), tendo sido feitas tentativas de banir o uso do produto. 

O tratado ficou aberto para adesão a partir do dia 16 de setembro de 1987, e entrou em vigor no dia 1º de janeiro de 1989. Mais de 150 países aderiram ao protocolo e estipulou-se 10 anos para que diminuíssem de forma significante ou acabassem com o uso das substâncias.

O ozono (O3) é uma substância elementar que, na estratosfera, age como protetor da superfície terrestre em relação a uma parte das radiações ultravioleta (UV) provenientes do Sol, pelo que é fundamental para a manutenção da vida e da nossa saúde. 
Contrariamente, junto à superfície, na troposfera, é considerado um poluente e um agente causador de dificuldades respiratórias, entre outras doenças.

A comemoração da data é uma oportunidade para uma reflexão conjunta e concertada sobre a necessidade de realização de acções e adopção de comportamentos que contribuam para a protecção do velho protector dos seres vivos na Terra.


Os primeiros sinais de convalescença da atmosfera vieram a imprimir mais força a todos aqueles que lutam, incansavelmente, para a reconstituição integral do velho protector dos seres vivos na Terra. 
Para quem lida directamente com a problemática da protecção da camada do ozono, é gratificante saber que as medidas que vêm sendo tomadas no quadro do Protocolo de Montreal têm vindo a surtir os efeitos preconizados, e isso dá-nos mais força para continuarmos.

FONTES: 
http://www.ocalendario.pt/16-de-setembro-dia-mundial-para-a-preservacao-da-camada-de-ozono/
http://www.portugalook.com/eventos/dia-mundial-para-a-preservacao-da-camada-de-ozono/
http://camada-de-ozonio.info/mos/view/Protocolo_de_Montreal/






Sem comentários: