outubro 01, 2012

Vamos Conhecer: Jean de la Fontaine

Jean de La Fontaine nasceu em Chêteau-Thierry, França, no dia 8 de Julho de 1621 e faleceu em Paris a 13 de Abril de 1695. Foi um poeta e fabulista.


Estudou teologia e direito em Paris, mas seu maior interesse sempre foi a Literatura.

Em 1668 foram publicadas as primeiras fábulas, num volume intitulado "Fábulas Escolhidas". O livro era uma colectânea de 124 fábulas, dividida em seis partes. La Fontaine dedicou este livro ao filho do rei Luís XIV. As fábulas continham histórias de animais, magistralmente contadas, contendo um fundo moral. Escritas em linguagem simples e atraente, as fábulas de La Fontaine conquistaram imediatamente seus leitores.

No período de 1664 a 1674, ele escreveu quase todas as suas obras. Nas suas fábulas, contava histórias de animais com características humanas.

Em 1684, foi nomeado para a Academia Francesa de Letras. 
A sua grande obra, «Fábulas», escrita em três partes, no período de 1668 a 1694, seguiu o estilo do autor grego ESOPO, o qual falava da vaidade, estupidez e agressividade humanas através de animais.
La Fontaine é considerado o pai da fábula moderna. Sobre a natureza da fábula: «É uma pintura em que podemos encontrar nosso próprio retrato.»

Algumas fábulas escritas e reescritas por ele são:
A Lebre e a Tartaruga;
O Homem;
O Menino e a Mula;
O Leão e o Rato;
O Carvalho e o Caniço;
Entre muitas outras....

Amigos e Amigas,
Venham descobrir as maravilhosas fábulas, deste autor.
«Sirvo-me dos animais para instruir os Homens.» afirmou Jean de la Fontaine.
Um dos livros, do autor, que podes encontrar na Biblioteca Municipal Lídia Jorge de Albufeira: 

Sem comentários: